Busca
EDIÇÃO DO DIA
02 de Setembro de 2014 - Ano 65 - Nº 5.519
TEMPO
 
11/11/2013 » 14:00 Tamanho da letra: A+  |  A-
Polícia Civil desarticula quadrilha de estelionatários que atuava em quatro estados

Quinze pessoas foram presas hoje (11), das quais 11 no Rio de Janeiro, três no Espírito Santo e uma na Bahia, durante a Operação Big Bang, da Polícia Civil. O objetivo da ação foi desarticular uma quadrilha de estelionatários responsável por aplicar golpes bancários em quatro estados. Uma pessoa, que não tinha mandado expedido em seu nome, foi detida em flagrante por porte ilegal de arma, no Espírito Santo.

A operação foi deflagrada para cumprir 15 mandados de prisão e 28 de busca e apreensão. Vinte e um caminhões comprados pela quadrilha e alugados para frete foram apreendidos nesta segunda-feira, sendo 16 em Salvador, quatro no Espírito Santo e um no Rio de Janeiro. A operação é comandada pela 54ª Delegacia Policial, de Belford Roxo, na Baixada Fluminense, e conta com o apoio 200 policiais civis. As investigações começaram em março deste ano.

A quadrilha Universo agia no Rio de Janeiro, Espírito Santo, Bahia e Paraná. Segundo a polícia, o grupo é responsável por causar um prejuízo de mais de R$ 37 milhões a bancos, pessoas físicas e jurídicas, em menos de dois anos. Os suspeitos serão acusados por formação de quadrilha, estelionato e lavagem de dinheiro. Só em ações de estelionato, o grupo praticou 554.

O titular da delegacia de Belford Roxo, Felipe Curi, informou que a quadrilha lavava dinheiro de várias maneiras. Os suspeitos aliciavam pequenos empresários para que fizessem empréstimo em bancos e aumentassem o capital social da empresa, cobrando uma taxa de serviço que variava de R$ 50 mil a R$ 200 mil. Quando o capital social aumentava, os acusados conseguiam autorização para maiores empréstimos.

“Na cidade de Salvador foram apreendidos 16 veículos com o integrante da quadrilha que foi preso lá. Foi uma quadrilha que movimentou muito dinheiro com o golpe extremamente complexo. Todos os suspeitos que foram presos fora do Rio de Janeiro serão trazidos para cá até amanhã”, disse o delegado.

Ele informou que a quadrilha usava uma escola em Belford Roxo, hospitais municipais da Bahia e empresas laranjas que alugavam caminhões para lavar o dinheiro. A operação impediu que um golpe, que estava em andamento na Bahia, fosse concretizado. A estimativa é que cerca de R$ 100 milhões seriam movimentados durante esse golpe.

“Essa quadrilha atua, pelo menos, desde 2011. Eles [os acusados] foram presos preventivamente e suas contas bancárias já foram congeladas. Nós ainda descobrimos que esse grupo doou R$ 400 mil para a campanha política de um prefeito que foi eleito na Baixada Fluminense, em 2012”, acrescentou o delegado.

Fonte: Agência Brasil

Imprimir Enviar para um amigo
Mais Notícias
» Geral
Conselho da USP deve discutir hoje plano de demissão voluntária
Também está previsto um ato de servidores e professores em defesa da universidade pública, na Praça do Relógio
» Geral
Conselho recomenda fim da revista íntima em presídios
Conselho pede o fim do desnudamento (parcial ou total), da introdução de objetos nas pessoas revistadas
» Política
Em depoimento antecipado, Argôlo se diz vítima de vazamento seletivo de mensagem
Argôlo garantiu que não tem qualquer sociedade com o doleiro e explicou que a troca de mensagens, interceptada pela PF
» Geral
Combate à degradação florestal é tema de debate internacional
Objetivo do encontro é avaliar a inclusão das dinâmicas florestais nos modelos de contabilidade das florestas e outros usos da terra
» Geral
Aneel analisa pedido para prorrogar cronograma da Usina Santo Antônio
A Santo Antônio tem até o dia 8 de setembro para efetuar o pagamento relativo a esses valores
› Ver todas as notícias
 
publicidade
 » Mais notícias
  Terça, 02/09/2014
14:32 - Conselho da USP deve discutir hoje plano de demissão voluntária
14:15 - Conselho recomenda fim da revista íntima em presídios
14:00 - Em depoimento antecipado, Argôlo se diz vítima de vazamento seletivo de mensagem
13:42 - Combate à degradação florestal é tema de debate internacional
13:17 - Aneel analisa pedido para prorrogar cronograma da Usina Santo Antônio
12:50 - Veículo dublê é abordado pela PRF em Água Clara
12:15 - ONU: conflito na Ucrânia já fez pelo menos meio milhão de refugiados
  ClassiPovo
  EMPREGO
SERVIÇOS GERAIS
Fone 67 3522-8653
  EMPREGO
CONTRATA-SE CABELEIREIRO (A)
Fone 67 3521-2317
  VENDA
PARATI
Fone 67 9201-5517
  VENDA
MACA
Fone 67 9912-4580
  EMPREGO
INSTRUTOR: INFORMATICA - AUXILIAR ADMINISTRATIVO - ELÉTRICA
Fone
  VENDA
Casa Minha Casa Minha Vida
Fone 67 9674-0733
  VENDA
Carrinho de Lanche
Fone 67 9130-7811
  VENDA
Vende-se Salão Comercial
Fone 67 9280-9693
  VENDA
Fusion Prata
Fone 67 9130-5482
Mais anúncios

Rua Eurydice Chagas Cruz, 807 | Vila Nova - Três Lagoas/MS - 79.602-130
Fone: (67) 3509-7500 | E-mail: portaljptl@gruporcn.com.br